Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Paradeiro Desconhecido

 Comemora-se hoje o 25 de Abril, dia da revolução dos cravos, revolução que deitou abaixo o regime fascista de António de Oliveira Salazar denominado "Estado Novo".

Durante 48, António Salazar governou Portugal, 48 anos de ditadura, sem direitos quase nenhuns das pessoas.

A censura e a PIDE (Policia Internacional de Defesa do Estado) eram só alguns dos "implementos" de Salazar.

Enquanto que a censura não permitia artigos, livros, noticias que se referenciavam ao estado ou a Salazar, a PIDE prendia quem se atrevesse a confronta-lo, fosse por palavras ou actos.

A guerra colonial também foi uma das "regalias" de Salazar: todos os homens a partir de um certa idade (por volta dos 20 anos) teriam de ir para a guerra, para manter a paz e evitar perder as até então colónias portuguesas.

O 25 de Abril de 1974 veio mudar muita coisa: desde o fim da censura e da PIDE, ao fim da guerra colonial e a independencia das colónias. Passou a haver mais do que um partido politico e as pessoas são agora livres de escolher os seus governantes.

 

António de Oliveira Salazar, foi mais que um ditador, também foi um salvador: antes de ser nomeado primeiro-ministro tinha sido nomeado ministro das finanças, onde em 1 ano conseguiu tirar o país da falência em que se encontrava.

Ricardo C. Copyrights / 01/03/2009

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D